ÉÉÉGUAAA - A página de entretenimento mais curtida de Joinville!

» Notícias

Por que o Dia da Consciência Negra não é feriado em Joinville?

Publicado em 20 de novembro de 2017

Em 2013 o Prefeito Udo Dohler sancionou a lei que institui 20 de novembro como feriado municipal do Dia da Consciência Negra, aprovado por unanimidade na Câmara de Vereadores.
Essa Lei foi aprovada contra a vontade dos empresários da cidade, Acij e CDL se declararam contra a lei, pois alegaram que mais um feriado traria prejuízo ao comercio local.
Alguns dias depois o  Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC) decidiu suspender o feriado da Consciência Negra em Joinville. Na decisão, o desembargador Pedro Manoel Abreu declara que “é direito da população comemorar o fim da escravatura e relembrar os heróis da luta contra essa trágica e primitiva prática vivenciada na história”. Porém, segundo ele, isso não justifica o feriado.
A data não é feriado nacional, mas é considerado feriado em mais de mil cidades brasileiras. O Dia da Consciência Negra é comemorado na data da morte de Zumbi dos Palmares, em 20 de novembro. Ele foi o último líder do maior dos quilombos do período colonial, o Quilombo dos Palmares. A data foi incluída no calendário escolar nacional em 2003 e em 2011 a Lei 12.519 instituiu oficialmente a data como o Dia Nacional de Zumbi e da Consciência Negra.

Deixe o seu comentário