ÉÉÉGUAAA - A página de entretenimento mais curtida de Joinville!

» Notícias

Precisamos falar da violência em Joinville

Publicado em 29 de agosto de 2017

A cada dia que passa aumenta o numero da violência em Joinville, já foram registradas 91 mortes violentas na cidade, e a insegurança é tanta que ontem novamente nos deparamos com a morte de mais um policial na cidade, noticias que acompanhávamos pela TV em outras cidades como por exemplo Rio de Janeiro, estamos vendo aqui em nossa cidade, próximo da gente, já pararam para pensar nisso?
Todos conhecemos alguém que foi assaltado, perdeu o carro ou entraram na sua casa, essa agora é a nossa realidade, estamos mudando nossa rotina, deixando de sair a noite, mudando o caminho, para tentar de alguma forma fugir dessa violência toda.
O Governo do estado que por muitos anos deixou de lado a maior cidade de Santa Catarina, agora se esconde, a conta chegou Governador, agora será mais difícil o enfrentamento. Afinal de quem é a responsabilidade? Se perguntar para o Prefeito ele vai dizer que a PM é responsabilidade do estado, se perguntar para o Governador ele vai dizer que precisa de recursos federais, se perguntar para o Presidente ele vai dizer que vão liberar recursos, quem sabe um dia. Faltam pessoas para assumir essa responsabilidade e resolver o problema, ou talvez resolver não seja a prioridade deles.
Temos várias facções em Joinville, isso mesmo gente, PCC, PGC e outras siglas mais, facções que crescem a cada dia. No começo do ano tiveram vários assassinatos entre elas, e muitas pessoas comemorando, afinal é bandido matando bandido né, e agora o que vocês querem comemorar? As facções cresceram justamente por mostrar força e ganhar território, vamos comemorar a troca de tiros e ficar esperando uma bala perdida? Vamos comemorar as facções crescendo e recrutando mais jovens para o crime? Eu não!
E para nós o que resta agora? Nossa parte é ficar sempre alerta, aquela sensação de que as coisas acontecem só com os outros e  não com a gente, isso não existe mais, achar que seu bairro é tranquilo que nunca foi assaltado, não é mais verdade, nossa realidade agora é outra, infelizmente.

 

Deixe o seu comentário